Comprar uma bicicleta motorizada ou elétrica?

Em tempos de engarrafamentos e transporte público precário cada vez mais pessoas buscam soluções individuais de transporte. Hoje ao circular pelas cidades é muito comum nos depararmos com bicicletas motorizadas e bicicletas elétricas sendo utilizadas como transporte, lazer e até para serviços de courrier e entregas de restaurantes, mercadinhos e farmácias.

Mas e na hora de comprar uma bicicleta destas? Qual a mais econômica? A que tem melhor desempenho? Velocidade? E autonomia?

Com certeza estas são as primeiras perguntas que o candidato a proprietário de uma bicicleta motorizada ou bicicleta elétrica faz…

O nosso objetivo é “comparar” estas duas alternativas maravilhosas de transporte e lazer.

O primeiro ponto é que os dois tipos de motorização podem ser comprados em forma de kit e montados pelo proprietário ou já prontas para andar (montadas). O segundo é que se tratam de kits para motorização de bicicletas…

Bicicleta Elétrica

Kit Bicimoto motor elétrico de  800 Watts

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O kit Bicimoto de motor elétrico vem com todas as peças e partes necessárias a sua instalação. Não requer conhecimentos profundos de elétrica ou mecânica. Para os totalmente leigos melhor recorrer a uma oficina ou optar pela compra de uma bicicleta elétrica já montada.

[Read more…]

Personalizando sua bicicleta motorizada

Um dos aspectos mais interessantes sobre as bicicletas motorizadas é a facilidade de personalizá-las de forma que fiquem com aspecto ou mesmo características específicas para atender seu gosto ou necessidades.

O ponto de partida recomendável é sempre uma bicicleta de aro 26″ ou 24″. Quanto à motorização você poderá optar por kits de motor de 2 tempos de 50 e de 80cc ou ainda 4 tempos com 50cc.

O passo seguinte é ter em mente o que deseja de sua bicicleta motorizada. Ela será usada mais no asfalto? Então melhor usar pneus slick ou específicos para asfalto pois proporcionarão maior estabilidade e muito mais conforto ao rodar. Em estradas de terra? Considere a instalação de pneus com cravos que tem mais aderência neste tipo de piso e tendem a se desgastar muito rapidamente se utilizados no asfalto.

Freios… Esta é uma parte importante e você deve considerar que apesar de motorizada ainda estamos falando de uma bicicleta. Os freios originais são suficientes para parar a sua motorizada mas  a instalação de um freio a disco mecânico é recomendada ou no mínimo trocar as sapatas de freio  originais por sapatas maiores que são encontradas com facilidade em bicicletarias.

Bom, se você já sabe o uso ao qual a sua bicicleta motorizada se destinará comece a pensar na motorização.

2 Tempos 50 ou 80cc


 

 

 

 

 

 

 

 

A simplicidade mecânica o baixo custo de manutenção e número reduzido de peças móveis são as principais características destes kits. Se você mora em uma cidade basicamente plana pode optar pela economia de um 50cc. Se por outro lado sua cidade tem muitas ladeiras ou pretende andar com sua bicicleta motorizada acompanhando o fluxo do trânsito em velocidades mais altas é melhor optar por um kit de 80cc. Os dois motores tem capacidade de carga de aproximadamente 120Kg. Apesar do maior torque do 80cc a média de consumo dos dois (após o amaciamento) ficará na faixa de 50 a 55Km/l.

A partida dos dois kits se dá pelo pedal da bicicleta. Coloca-se a motorizada em movimento pedalando e ao soltar a manete da embreagem o motor entra em funcionamento. A instalação dos kits não interfere no funcionamento da bicicleta ou seja ela pode ser pedalada normalmente.

Lembre-se que os motores de 2 tempos necessitam de óleo 2 tempos (mineral para motores refrigerados a ar) misturado à gasolina para funcionar.

4 Tempos 50cc

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A mecânica do kit de 4 tempos é mais refinada. O motor conta com partida por sistema de cordinha (pull start) e embreagem automática centrífuga (clutch box) que dispensa a instalação e utilização de manete. Basta ligar o motor e acelerar como nos carros automáticos.

Outra facilidade dos kits de motorização de 4 tempos vem do fato de serem abastecidos apenas com gasolina no tanque e óleo lubrificante (10W30 mineral) no cárter (como os carros). Desta forma você pode abastecer sua bicicleta motorizada normalmente no posto de gasolina de sua preferência diretamente na bomba de combustível.

O torque do motor de 4 tempos é linear desde as rotações mais baixas em termos de desempenho se equivale ao de 80cc 2 tempos e também tem o mesmo valor de carga útil de 120Kg.

Seu maior tamanho, peso e largura devem ser considerados.

[Read more…]

Ligando um farol no magneto de sua Bicimoto 2T

A grande maioria dos proprietários de Bicimotos não usa faróis ( o que é errado), ou usa faróis a pilha ou dínamo. Os inconvenientes dos faróis a pilha são vários. A começar pelos piores deles… O alto custo das pilhas alcalinas e o descarte quando descarregam já que poucas cidades Brasileiras dispõe de caixas de coleta para reciclagem deste tipo de material altamente tóxico. Já os faróis a dínamo tem iluminação precária em baixas velocidades.

O sistema elétrico de uma Bicimoto é extremamente simples e por isso mesmo confiável. É composto basicamente de um magneto que gera a energia necessária para carga do CDI e funcionamento do motor e em fio independente (o fio branco do chicote) 6V-3W adicionais que podem ser usados para instalar um acessório elétrico de sua escolha que necessite de 6V para funcionar e tenha um consumo máximo de 3W.

Veja o diagrama elétrico do seu motor 2 tempos (50 ou 80cc)

 

 

 

 

 

[Read more…]